Acesse nosso curso Gratuitamente

Acesse nosso curso Gratuitamente

Vencendo a Procrastinação

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Círculo de Influência X Círculo de Problemas, entenda onde você está.

Círculo de Influência X Círculo de Problemas, entenda onde você está.

Em minha experiência profissional vivi muitas situações desgastantes e de angustia por causa de questões sobre as quais não tinha nenhuma influência ou capacidade de ação. Com o tempo aprendi que há poucas coisas em nosso controle de fato. O que podemos controlar são nossos pensamentos, nossos sentimentos e nossas ações. Entenda onde você está no: Círculo de Influência X Círculo de Problemas

Franklin Covey nos apresenta uma classificação interessante para tal situação. Ele classifica as situações que vivemos em duas categorias:

• Coisas que podemos influenciar através de nossas escolhas e ações (círculo de influência);

•Coisas que podem nos dizer respeito, podem nos afetar, mas sobre as quais não temos nenhum controle ou influência (círculo de preocupação).

 

 

Focando no Círculo certo.

A medida que focamos no nosso circulo de preocupação, nas situações sobre as quais não temos controle, despendemos uma energia que poderia ser concentrada em nosso circulo de influência ou em situações do circulo de preocupação que poderíamos influenciar.

Focar no circulo de preocupação o tempo todo causa um enorme desgaste. A pessoa passa somente a reagir as situações e se torna um “apagador de incêndio”. Isso ao longo do tempo causa enorme ansiedade, e por vezes, alto nível de stress, pois a pressão é enorme.

 

 

 

 

Pessoas proativas focam naquilo que podem influenciar e não se preocupam com o que não podem. Ao contrário, pessoas reativas se focam em seu Círculo de Preocupação, deixando de perceber as coisas que podem realmente influenciar.

Quando determinamos em quais dos dois círculos concentramos nossa atenção e nossas ações, pensamentos e sentimentos, entendemos o quanto somos proativos ou reativos.

Pessoas proativas concentram sua atenção naquilo que está sobre seu controle, suas ações estão focadas em seu Círculo de Influência. Como se concentram no que podem controlar (domínio próprio) e focam naquilo que podem modificar, sua energia é mais positiva. A medida que aumenta seu autocontrole, seu círculo de influência aumenta proporcionalmente.

Pessoas reativas, por outro lado, ao se concentrarem nas coisas que não podem influenciar acabam desgastadas e reduzindo seu círculo de influência. Isso acontece pois se tornam críticas, reclamando sempre do outro e de suas fraquezas e dos problemas que ocorrem no ambiente em que estão. Reclamam e reclamam, e esta energia desgasta suas emoções, pensamentos e sua capacidade de agir.

 

Conclusão

 

Se focamos no círculo de preocupações acabamos controlados por ele. Perdemos a oportunidade, a partir de nosso autocontrole, de agir sobre as situações e sermos agentes de mudança de nossa própria realidade.

E você tem se concentrado mais em que circulo ?

Deixe seu comentário abaixo.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *